Pele Acneica: o que fazer?

A acne é causada pelo aumento da produção de sebo nas glândulas sebáceas gerando uma lesão. Com muita oleosidade, os poros ficam obstruídos e a proliferação de bactérias aumenta. Isso resulta nos cravos. Quando ocorre inflamação, surgem as espinhas. A pele acneica é classificada em graus, podendo ser amena e até muito intensa.

Mais comum na adolescência, a acne pode estar relacionada às grandes transformações hormonais. Em outros casos, o problema pode durar a anos. Descubra mais sobre a acne:

Causas da Pele Acneica

pele acneica causas

São muitos os tipo de acne. A mais comum é a que se desenvolve na adolescência, causada pelos níveis hormonais elevados. Eles estimulam as glândulas da pele, que produzem mais óleo. No entanto, o problema não se restringe aos jovens: crianças e adultos podem ter acne, decorrente da superprodução de sebo na camada da pele e pela concentração de células mortas nos folículos pilosos. Todos os fatores acima resultam na obstrução dos poros, que acumulam bactérias e inflamação.

Veja quais são os melhores alimentos para a pele.

Alguns hábitos podem favorecer a pele acneica. Veja quais:

  • Dormir de maquiagem: faz com que os resíduos obstruam os poros, o que favorece o surgimento de cravos e espinhas;
  • Alguns medicamentos: os efeitos colaterais de certos remédios podem causar acne, como ao usar corticoides;
  • Má alimentação: gordura, doces e farinha branca estimulam a produção de glândulas sebáceas, que aumentam a oleosidade da pele;
  • Estresse: acaba proporcionando desequilíbrio hormonal, que agrava ou aumenta a oleosidade, resultando no aparecimento de cravos e espinhas.

Como Prevenir?

Para prevenir a pele acneica, alguns hábitos podem ser adotados. Além disso, eles podem amenizar quadros já existentes:

  • Lave a pele todos os dias. Faça de forma leve, evitando esfregar ou lavar excessivamente;
  • Evite suar muito ou higienize o rosto após as atividades intensas;
  • Lave os cabelos com frequência, evitando que fiquem oleosos;
  • Evite produtos muito oleosos, como gel, mousse, leave-in e pomada;
  • Evite toca no rosto ou encostá-los em objetos com frequência;
  • Vista roupas leves e fique longe dos tecidos sintéticos;
  • Evite expor a pele a óleos e outros produtos químicos;
  • Evite os produtos oleosos no rosto, preferindo sempre a versão seca de hidratantes e protetores solares;
  • Procure utilizar apenas os produtos prescritos pelo seu dermatologista.

Como Tratar?

tratamento da acne

O tratamento depende da gravidade, do tipo de acne e do paciente, sendo papel do dermatologista indicar os melhores produtos em cada caso.

Os ativos mais prescritos para acabar com a pele acneica são:

  • Ácido salicílico: é um beta-hidroxiácido que contém propriedades esfoliantes e reguladoras da produção de sebo. Tem ação anti-inflamatória, renovando a pele, removendo as células mortas e acabando com o excesso de oleosidade;
  • Niacinamida: vitamina do complexo B com ação anti-inflamatória;
  • Ácido glicólico: pode ser usado em peelings ou dermocosméticos, pois é um alfa-hidroxiácido que promove renovação celular;
  • Retinol: derivado da vitamina A, ele promove esfoliação, remove as células mortas, reduz o tamanho dos poros e controla a oleosidade. Além disso, suaviza as cicatrizes e tem efeito clareador.

Uma rotina de limpeza também é necessária, prevenindo e controlando a pele acneica. Pela manhã, é importante lavar o rosto com um produto específico (como o sabonete de ácido salicílico) para evitar o excesso de oleosidade no rosto. Em seguida, use uma loção adstringente e um hidratante leve com ação antiacne, finalizando com um protetor solar de toque seco. À noite, repita o processo, substituindo o protetor solar por um tratamento secativo.

Produtos para Tratar a Pele Acneica

produtos para acne

O segredo no tratamento para a acne é a disciplina na aplicação dos produtos. A proteção solar também é imprescindível, para manter a pele saudável e livre de manchas. Veja a seguir o que é recomendado para cada passo da rotina de cuidados:

  1. Para limpar, aposte nos sabonetes e loções com ácido salicílico, zinco e enxofre. Eles elimina as impurezas e o excesso de oleosidade sem ressecar o rosto. Fuja dos produtos que contém óleo;
  2. Para secar a pele: tônicos adstringentes com ácido salicílico, resorcina, extrato de hamamélis, azuleno e ácido glicólico são ótimas opções. Fique longe das fórmulas com álcool, porque elas causam irritação;
  3. Para tratar: aposte nas fórmulas com retinoides e peróxido de benzoíla. Elas afinam a pele, diminuem a formação de cravos e a inflamação e ainda combatem as bactérias causadoras das espinhas. A aplicação deve ser feita antes do hidratante;
  4. Para hidratar: prefira os produtos com textura leve. Gel, gel-creme e sérum são as melhores opções, diminuindo o brilho e garantindo um aspecto aveludado;
  5. Para diminuir os poros: os minimizadores de poros controla a produção de óleo e deixam a pele matificada e aveludada;
  6. Para cicatrizar as espinhas: o ácido salicílico tem ação secativa, devendo ser aplicado na área inflamada.

Fontes:

https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0190962299800565

http://seer.sis.puc-campinas.edu.br/seer/index.php/cienciasmedicas/article/view/1117

http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0365-05962010000600003&script=sci_arttext&tlng=es

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *