Conheça os diversos tipos de tratamentos para estrias

Estrias são cicatrizes que surgem quando as fibras colágenas e elásticas na pele são destruídas, em virtude do estiramento da pele e as linhas se formam devido a redução da espessura da epiderme e da derme. Elas podem arder e coçar e geralmente não apresentam sintomas.

Uma parte da bunda com estrias.

Há dois tipos de estrias: as estrias antigas (brancas) e as recentes (róseas, arroxeadas ou vermelhas) e existem diversos tratamentos específicos para cada tipo:

Tratamentos para estrias vermelhas

Estrias vermelhas.

As estrias vermelhas ainda possuem sinais de inflamação, portanto diversas intervenções terapêuticas podem auxiliar no processo de reduzir e afinar as estrias, mesmo sem prometer curá-las. As estrias vermelhas normalmente respondem melhor ao seu tratamento, apesar de existirem tratamentos para ambos os tipos.

  • Cremes de tratamento de uso diário: são utilizados ácidos glicólico e retinoico, com mais frequência e sempre associados a hidratantes.
  • Transição: é um dos tratamentos mais clássicos, e é feito com agulhas, para soltar a parte interna da estria relacionada a pele e incentivar a formação de colágeno juntamente com o sangramento causado pelo procedimento.
  • Peelings: podem ser a base de ácido glicólico, retinoico e outros e a concentração dos químicos dependem do tipo de estria, da programação de tratamentos associados e do objetivo do médico.
  • Laser ou luz pulsada: agem nos planos superficiais e médios da pele, e dependem dos objetivos do médico e do tipo de paciente.
  • Também existem outros procedimentos que podem ser associados aos métodos já apresentados, como radiofrequência comum ou micro focada, micro agulhamento e injeção de hidroxiapatita de cálcio.

Tratamentos caseiros

Além dos métodos acima, também existem diversos tratamentos caseiros. Confira algumas receitas:

Esfoliante caseiro

Ingredientes:

  • 3 colheres de sabonete líquido
  • 1 punhado de borra de café

Modo de preparo:

  • Misturar os ingredientes
  • Friccionar a mistura nas áreas atingidas, até a região ficar avermelhada
  • Em seguida, lavar com água morna, para auxiliar na abertura dos poros
  • Após, aplicar o creme hidratante a seguir.

Creme caseiro

Ingredientes:

  • 100 ml de óleos de amêndoas doces
  • 1 ampola de vitamina A
  • 1 embalagem de hiploglós
  • 1 embalagem de creme Nivea

Modo de preparo:

  • Misturar todos os ingredientes
  • Manter o creme num pote de vidro na geladeira
  • Aplicar o creme nas estrias, com movimentos circulares, insistindo com o polegar, até a pele absorver completamente o creme.

Outros cremes que podem manter a pele hidratada são o Bio-oil e o Bepantol.

 Tratamento para estrias brancas

Estrias brancas.

As estrias brancas são mais difíceis de serem eliminadas totalmente, porém é possível amenizá-las.

Laser

É um dos principais métodos para diminuir estrias brancas, e possui resultados efetivos. São usados lasers que furem a pele ou que tenham afinidade com a água. É preciso fazer de 3 a 5 sessões para se obter resultados satisfatórios, e espera-se uma melhora na textura e na cor da estria, pois apagando a região bem delimitada, a área aparenta ficar menos profunda e menos evidente.

Radiofrequência

Esse tratamento é realizado com um aparelho que emite correntes de alta frequência, que conseguem entrar na pele de forma mais homogênea e profunda. Renova o colágeno, sem ferir a pele, e a produção de colágeno é um dos principais fatores do tratamento de estrias, além de agir na renovação das estruturas da derme.

Ácido retinoico

O ácido retinoico age na pele incentivando a produção de colágeno. É considerado um ótimo tratamento para estrias, porém é necessário tomar alguns cuidados, como evitar a exposição ao sol e usar filtro solar sempre. Além disso, a pele pode descamara e ficar vermelha, porém isso depende da concentração ideal para cada tipo de pele.

Os resultados normalmente demoram para aparecer, portanto, é preciso paciência e geralmente utiliza-se esse método associado a algum outro tratamento. Ao usar o ácido retinoico sozinho, demora mais ou menos um ano para aparecerem resultados satisfatórios, e ao ser usado junto com outros procedimentos, o resultado é mais rápido, dependendo do método associado.

Microdermoabrasão

É um peeling físico, basicamente um desgaste da pele. É utilizado um aparelho que solta jatos de microcristais de óxido de alumínio, o que promove um lixamento superficial da área, estimulando a produção de fibras elásticas e colágeno.

Geralmente, esse procedimento é usado junto com outros métodos, e são necessárias várias sessões para surgirem resultados satisfatórios, porém sendo realizado junto com outros procedimentos, principalmente o laser, os resultados são mais rápidos e eficaz.

Mesoterapia

Esse tratamento é feito com a aplicação de microdoses de medicações em cada estria, que são injetadas com agulhas finas, que podem agir de maneiras específicas na pele. A mesoterapia usa ativos com ação trófica e incentiva os fibroblastos na produção de elastina e colágeno.

Após a quarta sessão, já é possível perceber uma melhora na qualidade da pele e na diminuição dos relevos e da largura das estrias e os resultados são melhores em estrias finas.

Subcisão

Esse método é utilizado principalmente no tratamento de celulites profundas, mas também age nas estrias brancas. É introduzida uma agulha branca dentro da pele e passada nas estrias. Normalmente, os resultados são bons, chegando a melhorar 50% as estrias, deixa a pele plana e melhora o relevo da pele.

Não é o tratamento mais indicado, devidos aos efeitos colaterais, como a cicatrização hipertrófica e funciona melhor em estrias largas.

Micro agulhamento

É um método que usa agulhas pequenas de aço cirúrgico e esterilizadas. É um dos melhores tratamentos para estrias brancas. O objetivo é criar pequenas lesões na pele, forçando ela a se regenerar e produzir mais colágeno.

Aliado a outros procedimentos, proporciona resultados mais satisfatórios. Se usado sozinho, promove uma melhora na aparência da pele, deixando-a mais plana e firme.

Leia também: Estrias Na Gravidez.

Tratamento caseiro

Confira uma receita de remédio caseiro para atenuar as estrias brancas:

Ingredientes:

  • 20 ml de azeite de oliva virgem extra
  • 50 g de babosa
  • 3 gotas de vitamina E

Modo de preparo

  • Extrair o gel de babosa
  • Após, colocá-lo numa tigela e adicionar o azeite de oliva
  • Deixar cair 3 gotas de vitamina E
  • Misturar bem todos os ingredientes até ficar homogênea
  • Pegar um algodão e molhá-lo
  • Fazer uma pequena massagem nas regiões que possuem estrias brancas
  • O ideal é repetir todos os dias esse tratamento.

http://www.ccecursos.com.br/img/resumos/01-principais-m-todos-para-tratamento-est-tico-de-estrias.pdf

http://portalbiocursos.com.br/ohs/data/docs/14/23_-_Efeito_da_microdermoabrasYo_com_peeling_de_cristal_na_terapYutica_das_estrias.pdf

https://repositorioinstitucional.uniformg.edu.br:21015/xmlui/handle/123456789/428

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *